top of page
  • Foto do escritorEquipe Great People

Como promover a Diversidade e Inclusão nas empresas?

Atualizado: 5 de jan.


Capa do artigo com um homem branco cadeirante segurando uma pasta de documentos apoiado na mesa, com uma mulher negra de pé ao lado e um outro homem branco olhando o notebook que está sob a mesa.
Como promover a Diversidade e Inclusão nas empresas? | Artigo exclusivo Great People

A diversidade e inclusão no local de trabalho deixaram de ser apenas buzzwords para se tornarem diretrizes cruciais para a sustentabilidade e o sucesso dos negócios.


Agora, as empresas estão investindo em D&I não apenas porque é "o certo a se fazer", mas também porque traz benefícios e resultados tangíveis e incontestáveis.


Vamos explorar as principais tendências em Diversidade e Inclusão nas empresas e entender como essas tendências estão remodelando o cenário corporativo moderno.


Derrubando os muros: o significado de Diversidade e Inclusão no contexto ESG


A Diversidade e Inclusão (D&I) são componentes vitais das práticas ESG (Environmental, Social, and Governance ou, em português, Ambiental, Social e Governança). Elas são interligadas e, juntas, formam a espinha dorsal de uma estratégia empresarial sólida e responsável.


Diversidade: um mosaico de diferenças


Diversidade refere-se à variedade de perfis em uma organização. Isso inclui, mas não se limita, raça, etnia, gênero, idade, religião, deficiência, orientação sexual, educação e experiências. Empresas com alta diversidade têm 2,3 vezes mais chances de ter inovação de alto nível em seus produtos [Deloitte, 2017].


Inclusão: a arte de valorizar a pluralidade


Por outro lado, inclusão é a prática de garantir que todas as pessoas tenham acesso às oportunidades e sejam devidamente valorizadas, tendo voz e sendo capazes de participar plenamente. É mais do que apenas tolerar ou aceitar diferenças: é respeitar, celebrar e aproveitar essas diferenças para impulsionar o sucesso organizacional.


De acordo com uma pesquisa da McKinsey [2020], empresas no quartil superior para diversidade de gênero em suas equipes executivas têm 25% mais probabilidade de ter rentabilidade acima da média do que empresas no quartil inferior.


Por meio da Diversidade e Inclusão, as empresas podem impulsionar a inovação, melhorar a tomada de decisões e aumentar a satisfação e o tempo de permanência das pessoas.


Pioneirismo e inovação: as tendências mais promissoras em Diversidade e Inclusão


O mundo corporativo está cada vez mais aberto a novas estratégias para promover a Diversidade e Inclusão. Táticas como o recrutamento às cegas, a criação de grupos de afinidade, ações afirmativas de recrutamento, um olhar mais atento à cadeia de fornecedores e a implementação de departamentos dedicados a D&I são apenas alguns exemplos.


Recrutamento às cegas


O recrutamento às cegas está se consolidando como uma prática fundamental para promover a diversidade e inclusão no local de trabalho. Trata-se de uma metodologia que procura eliminar vieses inconscientes durante o processo de contratação, ocultando informações pessoais - como idade, gênero, etnia e outros dados que possam influenciar o julgamento da equipe de recrutamento - dos currículos e aplicações das pessoas candidatas. Desta forma, o foco recai exclusivamente nas competências, habilidades e experiências de cada indivíduo, garantindo uma avaliação mais justa e objetiva.


A tecnologia proporciona um suporte robusto a essa prática, através de plataformas de contratação às cegas e ferramentas de inteligência artificial. Essas soluções ajudam a automatizar o processo, garantindo que os dados pessoais sejam removidos de forma consistente e eficaz. Além disso, oferecem métricas e relatórios que ajudam as empresas a acompanhar e aprimorar continuamente seus processos de contratação.


Estudos mostram que o recrutamento às cegas pode ajudar a construir uma força de trabalho mais diversificada, dinâmica e inovadora. Ao promover uma maior variedade de perspectivas e experiências, as empresas se beneficiam de soluções mais criativas e eficazes para os desafios do negócio, além de construir uma cultura mais inclusiva e harmoniosa.


Ações afirmativas


As ações afirmativas são políticas proativas implementadas por empresas que buscam garantir oportunidades iguais para grupos historicamente marginalizados. Isso inclui a comunidade LGBTQIAPN+, mulheres, minorias étnicas, pessoas com deficiências, profissionais 50+, entre outros.


Essas políticas podem tomar várias formas, desde metas de contratação até programas de mentoria, treinamento e desenvolvimento de liderança, com o objetivo de garantir uma representação equitativa em todos os níveis da organização.


Além disso, as ações afirmativas podem incluir políticas de trabalho flexíveis e benefícios específicos que ajudam a atender às necessidades específicas desses grupos. Tais medidas podem incluir horários de trabalho flexíveis e suporte para necessidades especiais, por exemplo. Essas políticas não apenas ajudam a atrair uma gama mais diversificada de talentos, mas também são vitais para manter e apoiar essas pessoas a longo prazo.


As ações afirmativas demonstraram ser eficazes na promoção de uma cultura de trabalho mais diversa e inclusiva. Por meio dessas medidas, as empresas ainda obtêm os benefícios de ter uma maior diversidade de perspectivas, promovendo a inovação e melhorando o desempenho organizacional.


Grupos de afinidade


Os Grupos de Afinidade, também conhecidos como Redes de Funcionários, são organizações internas formadas por pessoas que compartilham características comuns ou experiências de vida. Esses grupos desempenham um papel crucial na promoção da inclusão de pessoas com deficiências e outros grupos minorizados, por exemplo, fornecendo um espaço seguro para discussão, apoio e partilha de experiências.


Além disso, os grupos de afinidade podem funcionar como um canal de comunicação eficaz entre os funcionários e a liderança sobre questões relacionadas à diversidade e inclusão. Eles fornecem feedback valioso e insights sobre as políticas da empresa, ajudando a informar e orientar estratégias mais inclusivas e eficazes. Além disso, podem atuar como um recurso valioso para a empresa ao planejar eventos, desenvolver treinamentos e criar iniciativas de conscientização.


Os grupos de afinidade demonstraram ter um impacto significativo no envolvimento e na satisfação das pessoas e estudos sugerem que eles podem ser um fator chave para garantir a permanência de pessoas diversas. Ao proporcionar um espaço de pertencimento e apoiar a expressão individual, esses grupos ajudam a promover uma cultura inclusiva que valoriza a diversidade e respeita a individualidade.


Treinamento de Conscientização e Sensibilização


Os treinamentos de conscientização e sensibilização são fundamentais para promover a diversidade e a inclusão no local de trabalho. Esses programas visam educar os funcionários sobre os vieses inconscientes, o valor da diversidade, e a importância de criar um ambiente inclusivo.


Por meio de palestras, workshops e atividades interativas, os funcionários são encorajados a refletir sobre seus próprios preconceitos e a aprender maneiras de promover a inclusão em suas interações diárias.


Além disso, muitos programas de treinamento também incluem elementos de educação intercultural, práticas de trabalho inclusivas e estratégias para promover o respeito e a compreensão mútuos. Isso permite que os funcionários aprendam a navegar efetivamente na diversidade cultural e a construir relacionamentos mais fortes e respeitosos com colegas de diferentes origens.


Os treinamentos de conscientização e sensibilização têm um impacto significativo na criação de uma cultura corporativa que valoriza a diversidade e incentiva a inclusão. Ao educar os funcionários sobre a importância da diversidade e proporcionar-lhes as ferramentas para promovê-la, as empresas podem construir um ambiente de trabalho onde todos se sintam valorizados e respeitados.


Você pode gostar de ler também 👇


O impacto transformador das tendências de Diversidade e Inclusão no local de trabalho


As práticas de D&I estão reformulando o local de trabalho, trazendo uma gama mais ampla de perspectivas e experiências e promovendo um ambiente mais inovador e produtivo.


Benefícios da D&I


A Diversidade e Inclusão no local de trabalho não só proporcionam um ambiente mais enriquecedor e acolhedor para as pessoas como também podem levar a um melhor desempenho financeiro e empresarial. Um estudo do BCG mostrou que empresas com equipes de gestão diversificadas têm receita 19% maior devido à inovação [BCG, 2018].


As tendências em relação a esse assunto continuam a evoluir e expandir. Além de colherem os benefícios em termos de engajamento e desempenho, as companhias que adotam e promovem ativamente essas práticas também se posicionam como líderes em responsabilidade social e governança corporativa.


Barreiras comuns


De acordo com o Relatório de Diversidade e Inclusão do Great Place to Work (GPTW), algumas das barreiras mais comuns para a Diversidade e Inclusão incluem:

  • falta de conscientização e entendimento;

  • resistência à mudança;

  • viés inconsciente;

  • e falta de recursos e apoio da liderança.


O relatório revelou que 52% das pessoas em empresas com baixas pontuações de diversidade e inclusão acreditam que seus locais de trabalho precisam de mais treinamento e educação em diversidade. Além disso, 68% das pessoas que trabalham em empresas sem uma estratégia de diversidade eficaz relataram que a resistência à mudança é um desafio significativo [GPTW, 2022].


Já o Relatório de Tendências de Gestão de Pessoas 2023 da Great People destaca que, embora a maioria das pessoas (68,1%) considerem a Diversidade e Inclusão como uma pauta estratégica em suas organizações, o tema ainda ocupa uma posição menos privilegiada na lista de prioridades de gestão de pessoas, estando em sétimo lugar.


Essa constatação revela uma desconexão entre a percepção da importância da D&I e a priorização desses temas nas práticas e políticas de gestão de pessoas.


O relatório também aponta que entre as pessoas que consideram a Diversidade e Inclusão uma pauta estratégica, 45,1% acreditam que sua empresa está em um nível de baixa maturidade em relação ao tema. Apenas 17,3% consideram que suas organizações têm um alto grau de maturidade em D&I, o que implica em ter um time ou comitê focado no tema, lideranças bem desenvolvidas e metas definidas com acompanhamento de indicadores de D&I.


Essas descobertas indicam que, apesar de algum progresso, ainda há um longo caminho a percorrer para que a diversidade e inclusão sejam totalmente incorporadas nas estratégias e práticas organizacionais.


Em relação aos principais desafios para a diversidade e inclusão nas empresas, "engajar a liderança" e "tornar os processos de recrutamento e seleção mais inclusivos" foram identificados como os obstáculos mais importantes. Estes desafios enfatizam a necessidade de uma liderança comprometida e processos de recrutamento inclusivos para o avanço da diversidade e inclusão nas empresas.


Assim, é evidente que o compromisso da liderança e a revisão das práticas de recrutamento e seleção são passos cruciais para superar as barreiras à diversidade e inclusão.


Como superar barreiras e catalisar a inovação por meio da Diversidade e Inclusão


A Diversidade e Inclusão evoluíram de conceitos para práticas empresariais essenciais. A implementação de políticas inclusivas e a promoção de um ambiente de trabalho de apoio podem ajudar a melhorar a D&I nas organizações, trazendo benefícios significativos para as pessoas e para as empresas.


A construção de uma estratégia eficaz de Diversidade e Inclusão não é composta por ações isoladas, mas requer a construção diária de uma cultura inclusiva, com esforço constante e revisão regular.


É fundamental fomentar hábitos inclusivos para que a inclusão se torne uma prática natural e que contribua para a criação de um ambiente onde as pessoas se sintam seguras e valorizadas, independentemente de suas diferenças.


Isso envolve a promoção do respeito e da empatia, a criação de políticas antidiscriminação e a implementação de mecanismos para lidar com incidentes de discriminação e assédio.


As empresas que adotam práticas de Diversidade e Inclusão são mais capazes de atrair e aumentar o tempo de permanência das pessoas, impulsionar a inovação e alcançar o sucesso sustentável a longo prazo. Em um mundo cada vez mais diversificado e globalizado, as empresas que abraçam a Diversidade e Inclusão estão mais preparadas para prosperar.


Para entender melhor como podemos sair do discurso para a prática na Diversidade e Inclusão, convidamos você a assistir nosso webinar "LGBTQIAPN+ no trabalho: do discurso à atitude inclusiva.".


Inscreva-se agora e assista essa conversa crucial sobre a criação de um local de trabalho verdadeiramente inclusivo.



606 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page